banner-130
engen22
mineraz

EMPRESA REVENDEDORA DE MOTOS FECHA AS PORTAS EM ITAPETINGA

Na semana passada a Grand Vitória Motos localizada na avenida Cinquentenário, fechou suas portas em Itapetinga. A revendedora de motos é a única  que vendia a marca YAMAHA em Itapetinga e todo Território Médio Sudoeste, o qual é composto de 13 cidades.

Logo quando chegou em Itapetinga a Grand Vitória Motos gerou 10 postos de trabalho, com o enfraquecimento da economia dos municípios, devido ao fechamento de todas as filiais e alguns pavilhões da Vulcabras/Azaleia, que demitiu aproximadamente 16 mil, a empresa também teve que demitir metade dos seus funcionários.

Atualmente a Grand Vitória Motos contava apenas com 5 funcionários e não conseguia bater metas. Vinha amargando prejuízos e decidiu fechar as portas e mudar para a cidade de Brumado-Ba.

Os 16 mil funcionários demitidos em Itapetinga e região, representam um grande prejuízo para o comércio, pois deixou de ser injetado em nossa economia (É a ciência social que estuda a produção, distribuição e consumo dos bens e serviços), aproximadamente 20 milhões de reais mensal em conta salário.

Se colocarmos juntos os  empregos  indiretos, esse valor poderia chegar a aproximadamente 32 milhões.

Por ano esse valor chegaria a 384 milhões, por isso que o desemprego em Itapetinga é tão grande e estivemos nos telejornais nacionais, como a cidade que mais demitiu no Brasil.

Por Eliomar Barreira

 

 

5 respostas para “EMPRESA REVENDEDORA DE MOTOS FECHA AS PORTAS EM ITAPETINGA”

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia