camacari-300

A fábrica da Ford em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, anunciou que irá encerrar a produção do turno da noite a partir de março de 2016.

A empresa informa que a medida ocorre “em função da significativa desaceleração do mercado automotivo e da decorrente queda no volume de produção” na unidade.

A montadora não informou se funcionários serão demitidos com o encerramento de parte das atividades e afirmou que utilizará de todas as ferramentas possíveis para tratar do excedente da força de trabalho na fábrica. Segundo a Ford, as negociações com os funcionários são feitas por meio do Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari.

Procurado pelo G1, o presidente do sindicato, Júlio Bonfim, diz que a empresa teria anunciado à entidade a suspensão e não o fim do turno. “Eles descumpriram o que foi discutido na negociação. Informaram para a gente que ia ser a suspensão e agora colocam o encerramento do turno”, critica.

A categoria já havia feito um protesto no final de outubro contra demissões na empresa. Segundo Júlio Bonfim, a manifestação conseguiu evitar a demissão de 500 funcionários e garantiu que 700 trabalhadores que prestavam serviços se tornassem diretos da empresa. O sindicalista afirma que está atento ao anúncio do encerramento do turno e se preocupa com a ociosidade de mais de dois mil trabalhadores que atuam à noite em Camaçari.