banner-130
atacadao-tinao-170
engen22
beijo-gelado3
expor-flor2
sorveteria-pericles
frigosol170
ecologicar
mineraz
novembro 2015
D S T Q Q S S
« out   dez »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  
gerado por GADWP 

:: nov/2015

Marido falha durante noite de núpcias e se divorcia de esposa

falhou na horaEle achou condenável o atrevimento da mulher ao tentar ajudá-lo em ato sexual

Um marido, nascido no Kuwait, não conseguiu cumprir suas obrigações conjugais durante a noite de núpcias com sua mulher na Arábia Saudita, e acabou se divorciando de sua jovem esposa um dia após o casamento. A moça, então, supostamente tentou tranquilizar o marido sobre a situação, e mostrou-lhe o que fazer, porém isso não foi bem visto pelo homem.

O marido recebeu diversas críticas em uma rede social, onde um vários internautas chamaram ele de “derrotado”. Os usuários argumentaram que a nova geração de muçulmanas conservadoras aprende sobre sexo na Internet e que a atitude da mulher na situação não era indicativo de que ela não fosse virgem, mas simplesmente que ela sabia como usar a internet. As identidades dos envolvidos não foram reveladas.

Concurso do INSS vai oferecer 950 vagas de nível médio e superior; salários chegam a R$ 6.832

InssA expectativa é que as provas sejam aplicadas entre o fim de fevereiro e o início de março

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) publicará edital até o fim de dezembro de 2015. O concurso, que é um dos mais aguardados, vai oferecer oportunidades para nível médio e superior. Apesar da crise, este é um dos certames que estão confirmados ainda este ano. A expectativa é que as provas sejam aplicadas entre o fim de fevereiro e o início de março.

O Órgão já publicou um edital de remoção interna para os atuais servidores, ou seja, mais uma fase indicando que o edital deve ser lançado em pouco tempo. O concurso vai contemplar 800 vagas de técnico do seguro social (nível médio) e 150 vagas para analista do seguro social (nível superior na área de seguro social).

As remunerações são de R$ 4.614,87 para o cargo de técnico. Já para analista é de R$ 6.832,39. A organizadora do concurso será o Cespe, por isso, os candidatos devem focar os estudos. Que tal conferir algumas dicas para garantir uma boa preparação para o certame do INSS?

Além de estabilidade, os cargos oferecem uma excelente remuneração. Muitos candidatos estão esperando por este concurso, por isso, não perca tempo e comece a estudar.

– Veja concurso como um desafio. Neste sentido, você é o principal responsável pela sua aprovação. Fazê-la acontecer só depende de você e da sua garra.

– Não desista porque não passou na primeira prova. Continue tentando, lembre-se de que o momento de todo mundo chega. Não saia da fila e permaneça até o fim.

– Estude por meio de materiais atualizados e que sejam de acordo com o edital. Peça dicas de outros estudantes.

– A língua portuguesa é considerada um diferencial e muitos candidatos não estão muito afiados. Portanto, dedique um tempo a ela no seu planejamento.

– O seu estudo deve ser organizado, equilibrado e fazer parte da sua rotina. Programe as suas metas e foque na realização do seu sonho. Boa sorte e sucesso!

Fonte: Ibahia

Dia da Consciência Negra pode se tornar feriado nacional

zumbi2Hoje, 20 de novembro, é comemorado o Dia da Consciência Negra. A data homenageia o Zumbi, um escravo que foi líder do Quilombo dos Palmares e que morreu em 20 de Novembro de 1695.

O Dia da Consciência Negra foi estabelecido por meio de projeto de lei em janeiro de 2003. No entanto, apenas em 2011 a presidente Dilma Roussef sancionou a lei que cria a data, sem obrigatoriedade de feriado. No entanto isso deve mudar.

Nesta semana, o projeto que busca tornar a data feriado nacional teve parecer pela aprovação na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. A mesa da Câmara pediu que o projeto passe por uma nova Comissão — a de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços — antes de ser votada no plenário. Se depender do seu histórico, a proposta deve passar: foi aprovada com pequenos ajustes pela Comissão de Cultura.

Atualmente, somente nos estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo o dia da Consciência Negra é considerado feriado. Já na Bahia, em apenas três cidades é feriado neste 20 de novembro.

Intermunicipal: Liga de Itamaraju ingressa com ação no TJD antes de decisão

logo campeonato (1)A Liga de Futebol de Itamaraju (LFI) ingressou com uma ação na Comissão Disciplinar do TJD – Tribunal de Justiça Desportiva do Estado da Bahia, relacionando aos fatos ocorridos durante a primeira partida em Uruçuca, quando as equipes se enfrentam na briga por uma vaga na final do Campeonato Intermunicipal 2015. O grupo alega que erros de arbitragem teriam prejudicado a partida entre outros incidentes.

A escalação dos membros da arbitragem também está sendo contestada pela LFI, apontando o árbitro principal como morador e membro da Liga de Futebol de Ubaitaba, município vizinho de Uruçuca.

De acordo informações de bastidores, a LFI teria entrado em contato com a FBF dois dias antes do primeiro jogo, na tentativa de impedir que ocorresse  algum erro a favor ou contra a seleção de Itamaraju.

No próximo final de semana, Itamaraju e Uruçuca se enfrentam e decidem qual equipe vai avançar à decisão do Intermunicipal.

Mulher é morta a tiros na porta de sua residência

moça12Uma mulher de 33 anos foi assassinada com três tiros na porta de sua residência, localizada no Bairro São José, em Caetité, no sudoeste baiano. Segundo a polícia, Carla Simone Souza teria sido morta por dois homens, que estavam a bordo de uma moto no momento do crime. Vizinhos disseram à polícia que a vítima estava com uma criança na hora dos disparos.mulher morta em casa

A Polícia Técnica esteve no local fazendo a perícia. As investigações para indicar os autores do homicídio já foram iniciadas. A polícia tem um suspeito principal, porém o nome não foi divulgado.

Fonte:  Brumado Notícias

Pesquisadores descobrem possível ‘cura’ para diabetes

diabetesDesativação de hormônio dispensaria injeções de insulina, dizem cientistas.
Testes pré-clínicos foram feitos em camundongos.

Uma equipe do Centro Médico da Universidade do Sudoeste do Texas, nos Estados Unidos, sugere que a desativação de um hormônio pode ser suficiente para tratar diabetes tipo 1, uma doença autoimune – na qual o sistema de defesa ataca as células e tecidos do próprio corpo -, que faz as concentrações de açúcar no organismo ficarem muito altas. A descoberta será tema de edição de fevereiro da revista especializada “Diabetes”.

Liderados por Roger Unger, professor da instituição e principal autor do artigo científico, os pesquisadores testaram a capacidade de camundongos, cobaias comuns em testes pré-clínicos, aproveitarem o açúcar presente no sangue, fruto da alimentação dos animais.

O truque foi alterar geneticamente os roedores para que produzissem quantidades menores de uma substância conhecida como glucagon, responsável por impedir que os níveis de glicose (açúcar) fiquem muito baixos.

No caso dos diabéticos, essa ação do glucagon faz os níveis de glicemia aumentarem muito. Esse efeito seria compensado em pessoas saudáveis pela ação da insulina, responsável por permitir que o açúcar penetre nas células do corpo. Dentro delas, a glicose poderia ser imediatamente aproveitada para gerar energia ou armazenada. Mas para os pacientes com diabetes tipo 1, a produção de insulina não existe ou é seriamente comprometida.

Mas os pesquisadores norte-americanos acreditam que os resultados obtidos com os camundongos apontem que, caso os níveis de glucagon consigam ser controlados, a insulina se torna supérflua, já que os níveis de glicemia estariam normais, dispensando as injeções da substância para equilibrar a “balança” do açúcar no sangue.

Batalha de hormônios
A insulina deixa de existir em pacientes com diabetes tipo 1 pois o sistema de defesa do corpo ataca 90% ou mais das células beta, estruturas localizadas em uma região do pâncreas conhecida como Ilhotas de Langerhans. Com a ausência da insulina, os níveis de glicemia no sangue não abaixam e não há ação para impedir a influência do glucagon.

:: LEIA MAIS »

Ônibus atropela e mata homem e animal na BR-330

Brasileiro

Um homem de 34 anos morreu após ser atropelado na BR-330, na tarde desta quinta-feira (19), nas proximidades ao canteiro da SPA. A vitima, Ednaldo Ribeiro dos Santos, conhecido pelo apelido de “Nego de Niniu”, estava montado em um jumento e tentava atravessar a rodovia quando foi atropelado por um ônibus da cidade sol, que fazia a linha Jequié-Itabuna. O acidente ocorreu por volta das 17h quando a vítima retornava do Assentamento do MST para Barra do Rocha.

Brasileiro ac

O corpo será encaminhado para o IML de Jequié. O animal também morreu no local. A mãe do homem ficou em estado em choque e foi socorrido por uma equipe do Samu até o Hospital Geral de Ipiaú.

Menina de 11 anos vai parar no hospital depois de levar surra de corda do pai

agredida11O médico que atendeu a criança acionou a Polícia Militar e o Conselho Tutelar. O pai da menina foi detido

Uma menina de 11 anos levou uma surra do pai na última terça-feira (17) em Feijó, interior do Acre, indo parar no hospital. A garota chegou ao Hospital Geral de Feijó, a 366 km de Rio Branco, com as costas bastante machucadas e um dedo lesionado.

O médico que atendeu a criança acionou a Polícia Militar e o Conselho Tutelar. O pai da menina foi detido.

O delegado Samuel Mendes afirmou que o pai disse à polícia que bateu na filha por “disciplina”. Ele alegou que a menina estava agindo de maneira desobediente.

“Segundo o pai, ele bateu nela com cordas. Ele foi preso e quando o interrogamos ele disse que bateu na intenção de discipliná-la. Além disso, no dia teria sumido um dinheiro do comércio dele, ele alegou que essa não era a primeira vez, e que filha era a única a entrar no local”, contou ao G1.

O pai da menina foi liberado depois de ser ouvido. Ele vai responder por crime de maus-tratos. A garota passou por exame de corpo de delito e foi encaminhada ao Conselho Tutelar. Além dos ferimentos nas costas, a menina estava com um dedo “trincado”, mas ela alegou para a polícia que foi durante uma queda.

:: LEIA MAIS »

‘Já acabou, Jéssica?’ Conheça a história por trás do vídeo

luta na rua1“Já acabou, Jéssica?”, diz Lara à sua colega de sala. “Sim, pode pegar o livro, não vou precisar mais dele”, responde a garota sorrindo, cheia de boa vontade.

Acredite: é esse tipo cordialidade que costuma predominar entre Lara T., 14 anos, e Jéssica A., 13, alunas do 7º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Reverendo Cícero Siqueira, que funciona em Alto Jequitibá, na Zona da Mata mineira.

Assim pelo menos caracteriza a relação entre as adolescentes uma funcionária da escola, que convive com elas quase que diariamente desde o início do ano letivo — e por isso mesmo estranha o festival de tapas, socos e pontapés trocados nesta segunda-feira pelas garotas nas proximidades do colégio. Registrada pela câmera do smartphone de um companheiro de classe das jovens  , a briga, postada no Youtube, se tornou viral, chegando a ocupar o primeiro lugar nos trending topics mundiais do Twitter.

A centelha que desencadeou a cizânia foi a mesma que consumiu Bentinho no clássico Dom Casmurro: ciúme. Ao contrário do personagem de Machado de Assis, porém, Jéssica – a possessiva do enredo jequitibaense  —não ruminou o veneno por muito tempo. Segundo a servidora da instituição de ensino, a estudante teria visto a amiga falar mais cedo com seu namorado – que mora em uma cidade vizinha e não estava presente no momento da rusga. Supostamente incomodada com a cena, chamou Lara para conversar. O papo ia bem até que, não se sabe por quê, Jéssica puxou os cabelos da (que passou a ser sua) rival e a jogou no chão.

“Foi um dia de fúria”, conta a funcionária, que descreve a Cícero Ciqueira como uma escola pacífica.“Só uma briga de adolescentes que passou um pouco da conta. Inclusive não entendemos porque algo tão banal ficou tão famoso. De qualquer forma, não é a regra por aqui”, completa.

luta na rua

As personalidades das mocinhas também não dariam pistas de que o conflito que deu fama a Alto Jequitibá seria, um dia, performado. Em seu círculo social, Lara é tida como uma pessoa calma, embora tenha seus dias de impaciência. Sabe-se que adora se maquiar e, até então, nunca havia se envolvido confusões. Já Jéssica, é uma espécie de “Miss Simpatia”. Do tipo popular, é vista sempre rodeada de amigos, e não se dá notícia de que colecione desafetos.

FINAL FELIZ As pazes, felizmente, já foram feitas. Com direito a choro, pedidos de desculpas e abraços, numa reunião convocada na mesma fatídica segunda-feira pela diretoria da escola. O encontro contou com a presença das mães das moças e do Conselho Tutelar. Nenhum dos envolvidos, incluindo as protagonistas da história, quis se pronunciar sobre assunto. Em conversa rápida com a reportagem do EM, o vice-diretor do colégio disse apenas que a mãe de Lara está bastante abalada com a situação, e que a comunidade escolar lamenta o ocorrido.

:: LEIA MAIS »

Professora da Bahia é premiada por projeto voltado para crianças negras

negra

Após perceber que seus alunos – a maioria negros – não se identificavam com a própria cor, uma professora de Lauro de Freitas, cidade da região metropolitana de Salvador, se inspirou em Riachão, soteropolitano que é ícone do samba no Brasil, para fazer com que as crianças conhecessem e tivessem orgulho de suas origens. O projeto deu tão certo, que se tornou o grande vencedor da 16ª edição do Prêmio Arte na Escola Cidadã, na categoria Educação Infantil. Concedida pelo instituto Arte na Escola desde 2000, o prêmio identifica, valoriza, documenta e divulga as melhores práticas pedagógicas no ensino da arte na educação básica, em nível nacional.negra1

Fátima Santana Santos, de 37 anos, desenvolveu o projeto para crianças negras da Escola CEI Dr. Djalma Ramos. A unidade de ensino atende crianças de 0 a seis anos, e Fátima compõe o quadro da escola há três anos.

Com o tema “Dr. Djalma Ramos e seu amor por Riachão”, o projeto incentivou as crianças a mergulharem na cultura baiana, experimentarem o samba como movimento cultural, a dança, música, vivência de costumes, teatro de fantoches, cinema e patrimônio imaterial, além de envolver os pais também nessa realidade. “Antes de elaborar o projeto, começamos [ela e os educadores da escola] a discutir que não dávamos enfoque nas marcas identitárias. Um município [Lauro de Freitas] tão negro, com quilombolas por perto, e não tratávamos da questão racial”, conta Fátima.

Jovem é morta ao lado do filho de 2 meses e ex-namorado confessa crime

and

Uma jovem de 20 anos foi morta a golpes de faca nesta quinta-feira (19), em Jequié, cidade do sudoeste da Bahia. Segundo a polícia, o ex-companheiro da vítima, identificado como Ricardo Oliveira dos Santos, de 25 anos, confessou o crime. De acordo com informações da Delegacia da Mulher do município, o bebê de dois meses do casal estava ao lado da mãe no momento em que ela foi atacada.

Ainda segundo a polícia, Andreia Barbosa Santos estava na casa da avó do suspeito, quando foi atacada. Ricardo Oliveira Santos contou a polícia que o crime foi motivado por ciúmes.

“Ele mora em Salvador e ela em Jequié. Ontem [quarta-feira], ele ligou para ela e disse que queria conversar. Disse também que estava indo para Jequié e pediu que ela fosse encontrá-lo na casa da avó dele, para que ele pudesse ver o bebê”, conta a delegada Alessandra Pimentel. “Ele [suspeito] conta que quando eles começaram a conversar, ela disse que teria ficado com outra pessoa, o que ele considerou uma traição, apesar deles não estarem mais juntos”, acrescentou.

A polícia não soube informar se a criança ficou ferida na ação, mas disse que ela foi encaminhada para o hospital e passa bem. “Ele nega que tenha machucado o filho, mas a criança foi encontrada muita suja de sangue, então os médicos estão à procura de lesões”, relatou a delegada.

A jovem havia feito 20 anos na última sexta-feira (13), e de acordo com a polícia, o bebê de dois meses era o primeiro filho da vítima. Após o crime, o homem chegou a fugir, mas foi encontrado por policiais militares no entroncamento da cidade de Jaguaquara, também no sudoeste do estado.

TOMAR CHÁ FORTALECE OS OSSOS

chá

As mulheres que bebiam três ou mais xícaras de chá por dia tinham uma probabilidade 30% menor de sofrer uma fratura, em comparação com aquelas que bebiam menos de uma xícara de chá por semana

De acordo com novo estudo, o consumo de três xícaras da bebida por dia reduz em 33% o risco de fraturas ósseas

O consumo diário de três xícaras de chá pode reduzir em 33% o risco de fraturar o quadril. É o que diz um estudo publicado no periódico cientifico Journal of Clinical Nutrition.

Cientistas dos Hospitais Sir Charles Gairdner, em Perth, de Royal Perth e da Universidade do Sul da Austrália Flinders, em Adelaide, todos na Austrália, avaliaram a saúde de cerca de 1.200 mulheres, com cerca de 70 anos. Cada uma das participantes respondeu sobre seus hábitos de consumo de chá e foi acompanha de perto pelos pesquisadores por um período de dez anos.

Ao longo do estudo 288 mulheres caíram e quebraram um osso. Quase a metade delas sofreram fraturas no quadril. Os resultados mostraram que as mulheres que bebiam três ou mais xícaras de chá por dia tinham uma probabilidade 30% menor de ter o osso fraturado, em comparação àquelas que bebiam menos de uma xícara de chá por semana. Diante disso, os pesquisadores concluíram que cada xícara de chá correspondia à redução de 9% no risco de fratura.

:: LEIA MAIS »

Congresso derruba veto de Dilma e retoma o voto impresso nas eleições

Urna impressaUm dos vetos da presidente Dilma Rousseff, votados pelo Congresso Nacional nesta quarta-feira (19), que foram derrubados é o que trata do voto impresso. Com isso, a partir das próximas eleições presidenciais, em 2018, a urna eletrônica também vai ter o voto impresso.

Quando esse assunto do voto impresso começou a tomar fôlego no Congresso, o Tribunal Superior Eleitoral fez uns testes, umas simulações. O impacto da nova regra será de cerca de R$ 1,8 bilhão nas próximas eleições. A medida levará à necessidade de impressão de cerca de 220 milhões de comprovantes, levando-se em conta o comparecimento nas eleições de 2014 e os dois turnos de votação.

Do lado da urna eletrônica, vai ter uma maquininha, onde o voto aparece, o eleitor vê pelo visor por um vidro, confirma o voto e o papel vai para um lugar seguro, lacrado e não fica com o eleitor. Na Câmara, o veto foi derrubado por ampla maioria. Foram 368 votos favoráveis à derrubada do veto e 50 contrários, com apenas uma abstenção. Já no Senado, o placar foi de 56 votos pela derrubada e apenas cinco contrários.

O texto vai à promulgação do Congresso Nacional, que comunica a Presidência sobre a decisão.

Homem executado com vários tiros em Olivença

reclameboca__olicenca-008

Um homem identificado por Ednilton Pereira dos Santos foi executado com vários tiros na região da cabeça em Olivença em Ilhéus
De acordo com as informações da Policia Militar o homicídio ocorreu na noite de Quarta –Feira (18), por volta das 21:00 hrs. Segundo a esposa da vitima, os autores do crime são Lucas e Aninha, depois dos disparam fugiram sem deixar pista.
O Departamento de Policia Técnica, foi conectada encontra-se a caminho para ser feito o levantamento cadavérico, em seguida o corpo será encaminhado para o DPT para necropsia.
reclame boca

Facebook bloqueia conta de mulher chamada Isis: ‘acha que sou terrorista’

 A engenheira Isis Anchalee teve a conta no Facebook; Isis também é a sigla em inglês para Estado Islâmico. (Foto: Arquivo Pessoal/Isis Anchalee)

O Facebook bloqueou sem justificativa a conta de uma engenheira chamada Isis, que coincide com a sigla em inglês para Estado Islâmico. Depois de ter o acesso barrado mesmo comprovando sua identidade, ela desabafou nesta terça-feira (17) no Twitter: “Facebook acha que eu sou terrorista”.

Chamada Isis Anchalee, a engenheira trabalha em San Francisco, na Califórnia (EUA), o mesmo em que a rede social está sediada. Ela também é conselheira da entidade Women Who Code, voltada à promoção da maior inclusão das mulheres em empresas de tecnologia.

Recentemente o Estado Islâmico (EI ou Isis) assumiu dois grandes ataques terroristas, a queda do avião da companhia aérea russa Metrojet e dos atentados à cidade de Paris. As duas tragédias deixaram 224 e 129 pessoas mortas, respectivamente.

Após ter sua conta no Facebook bloqueada, ela enviou por duas vezes cópias de seu passaporte. O objetivo era comprovar de que se tratava de uma pessoa real e que usava o nome verdadeiro, e não se tratava de um perfil destinado a propagandear as ideias do grupo jihadista.

Como não conseguiu sequer uma resposta da rede social, Isis resolveu contatar a empresa pelo Twitter. “Facebook, porque vocês desabilitaram minha conta pessoal? Meu nome real é Isis Anchalee”, escreveu na segunda-feira (16).

Como não obteve resultado nem foi respondida pela empresa, ela voltou à carga no dia seguinte. “Facebook acha que eu sou terrorista. Aparentemente, enviar a eles uma cópia do meu passaporte não é bom suficiente para eles reabrirem minha conta.”

Depois de fazer o envio pela terceira vez, a engenheira foi contatada por Omid Farivar, um pesquisador do Facebook. “Isis, desculpa por isso. Eu não sei o que aconteceu. Eu reportei isso às pessoas certas e nós estamos trabalhando para consertar isso”, afirmou, no Twitter.

Farivar não só se desculpou como disse que o assunto estava resolvido. “Atualização: sua conta deve voltar. Desculpas novamente.”

O incidente não foi o único vivenciado por Isis. Ela reclamou que motoristas do Uber e do Lyft, dois sistemas alternativos de transporte, vivem perguntando sobre a origem de seu nome.

Book-Center-Itapetinga
UNOPA-LATERAL
cardioset
beijo-gelado1
tinao-lateral-blog-do-tarugao
expor-flor3
ótica-Itapuã
banner-12
banner--engenharia
frigosol231
ecologicar
mineraz
sorveteria-pericles
17022028_1650269021949219_7964221707426653921_n
mais acessadas
gerado por GADWP 


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia