sebrae

banner-130
engen22
mineraz

:: jan/2021

BLOGUEIRA É INTUBADA COM COVID-19 APÓS CONVOCAR AGLOMERAÇÕES E ZOMBAR DA DOENÇA

A blogueira Ygona Moura esteve entre os assuntos mais comentados das redes sociais após ser internada devido complicações causadas pelo novo coronavírus. Ygona está internada em estado delicado, mas estável num hospital do Rio de Janeiro com covid-19.

“Ela está internada na UTI do Hospital Cidade Tiradentes, entubada em coma inuzido desde ontem por complicações da Covid. Peço a todos os seguidores que orem pela vida da Ygona”, escreveu a mãe da influencer em stories publicados nesta segunda-feira (18).

Viralizou nas redes sociais um vídeo que Ygona, gravado em dezembro de 2020, desdenhando da doença e à procura de festas para ir. “Noite de aglomeração com sucesso. Aglomerei mesmo! Estou caçando um baile. Quero aglomerar de novo”, afirmou Ygona em um local cheio de pessoas.

https://www.instagram.com/p/CKNVkGABGKo/?utm_source=ig_web_copy_link

AF

ITAPETINGA: BOLETIM ATUALIZADO DA COVID-19

RK

BOLSA FAMÍLIA 2021 JÁ COMEÇOU A PAGAR; CONFIRA O CALENDÁRIO OFICIAL

Bolsa Família 2021 começa ser pago hoje; Confira o calendário oficial

Ontem,  segunda-feira (18), começou o pagamento do Bolsa Família para beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) de final 1. Em janeiro, o pagamento vai até o dia 29. O Bolsa Família é pago a mais de 14 milhões de famílias inscritas.

A disponibilização do benefício para saque ou crédito em conta bancária, acontece de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS), impresso no cartão de cada titular do Bolsa Família.

Portanto, para cada final do NIS há uma data correspondente por mês. Se o NIS do titular termina com o número 1, em janeiro, por exemplo, os pagamentos iniciam-se no dia 18.

Os depósitos ocorrem sempre nos 10 últimos dias úteis de cada mês.

Confira o calendário de pagamento para todos os meses do ano na tabela abaixo:

RK

COVID-19: CAMINHONEIROS, MOTORISTA E COBRADORES ENTRAM NO GRUPO PRIORITÓRIO DA VACINAÇÃO

Os profissionais do setor de transportes foram incluídos no grupo prioritário para receber a vacina contra a covid-19. Segundo nota do Ministério da Infraestrutura, entram nesta categoria trabalhadores em transportes terrestres, aéreo, ferroviário e aquaviário.

Também estão no grupo caminhoneiros, trabalhadores em portos, empregados de companhias aéreas, funcionários de empresas de trens e ferrovias e motoristas e cobradores de ônibus tanto metropolitanos quanto intermunicipais e interestaduais.

Para ter direito à vacinação, os profissionais deverão comprovar, por meio de documentação, que são funcionários de empresas de alguns destes segmentos.

A nota do Ministério da Infraestrutura não detalha em que fase da vacinação esses trabalhadores serão incluídos. A data para o início da imunização dos profissionais do setor de transportes ainda deverá ser divulgada pelo Ministério da Saúde.

RK

ITAPETINGA: MUNICÍPIO RECEBEU 860 DOSES DA VACINA CORONAVAC

Itapetinga recebeu na madrugada desta terça-feira (19), 860 doses da vacina Coronavac produzida pelo instituto Butantan para vacinar os grupos prioritários.

As doses chegaram de avião em Vitória da Conquista e foram encaminhadas para a Dires Regional. Prepostos do Núcleo Regional de Itapetinga foram a Vitória da Conquista e fizeram a retirada das vacinas.

Por motivo de segurança, os prepostos da Núcleo da Dires de Itapetinga foram escoltados pela Polícia Militar, as vacinas chegaram ao município por volta de 06h da manhã desta terça.

Doses da vacina também serão distribuídas para os 12 municípios da  região do Território Médio Sudoeste.

EXCLUSIVO: VACINAS CONTRA O CORONAVÍRUS JÁ CHEGARAM AO MUNICÍPIO DE ITAPETINGA ESCOLTADAS PELA POLÍCIA MILITAR. NÚCLEO REGIONAL DA DIRES VAI DISTRIBUIR TAMBÉM PARA OS 12 MUNICÍPIOS DO TERRITÓRIO MÉDIO SUDOESTE

Na madrugada desta terça (19), a Dires em  Vitória da Conquista recebeu as doses das vacinas contra o Coronavírus. O transporte Aéreo foi feito pelo Governo do Estado e da Dires da Capital do Sudoeste, as vacinas já foram distribuídas ainda na madrugada para os núcleos regionais.

Prepostos do Núcleo Regional de Itapetinga se deslocaram para Vitória da Conquista escoltados pela PM ainda na Madrugada e fizeram a retirada das vacinas.

As vacinas já estão aqui no município, onde devem permanecer uma quantidade e também serão distribuídas para os 12 municípios da região do Território Médio Sudoeste, entre eles, Itororó, Macarani, Itarantim, Maiquinique, Potiraguá, Iguaí, Ibicuí e etc.

A população encontra-se esperançosa e acredita que vai dar tudo certo.

CERCA DE 180 MIL BAIANOS SERÃO IMUNIZADOS CONTRA O CORONAVÍRUS NA 1ª FASE

CERCA DE 180 MIL BAIANOS SERÃO IMUNIZADOS CONTRA O CORONAVÍRUS NA 1ª FASEAs primeiras doses da vacina Coronavac devem chegar em solo baiano por volta das 18h desta segunda-feira (18). Foram encaminhadas ao estado 376.600 doses do imunizante, que será utilizado para vacinar cerca de 180 mil pessoas. Nesta fase serão vacinados profissionais de saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 e em unidades de saúde de urgência e emergência, idosos que vivem em instituições de longa permanência e indígenas.

Assim que chegarem à Bahia, as doses da vacina serão levadas para a sede do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia. O local foi escolhido como ponto de guarda do imunizante e onde foi montada, pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), uma sala de refrigeração para abrigar as doses. A depender do horário da chegada, a estimativa é de que as vacinas permaneçam nesta sala por aproximadamente três horas.

Após a chegada na sede do Graer será iniciado o processo de separação e distribuição para os 417 municípios baianos. Segundo a Sesab, cerca de 45 mil doses serão disponibilizadas para a capital baiana e, por motivo de segurança, a quantidade das doses que serão destinadas aos demais municípios não será divulgada.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, é possível que o primeiro cidadão baiano seja vacinado ainda hoje, e deve ser um homem ou mulher que vive em uma instituição de longa permanência.

“Após as primeiras vacinas chegarem a Bahia, nossa expectativa é que num período de 12 horas todas as doses estejam distribuídas para os municípios do estado, e no prazo de 24 horas após possamos iniciar a vacinação”, explicou o secretário.

Ainda segundo o secretário, caso as vacinas cheguem no horário previsto, à noite, a distribuição será iniciada com o uso de aeronaves para aqueles municípios que possuem pista de pouso com balizamento noturno. Outra parte será enviada em caminhões e caminhonetes com escolta da Polícia Militar.

As cidades previstas para receber aeronaves com doses da vacina ainda na noite desta segunda-feira são: Barreiras, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Vitória da Conquista, com imunizantes que também atenderão ao município de Paulo Afonso, Petrolina (pouso) – com vacinas direcionadas a Juazeiro, Lençóis (pouso) – com vacinas direcionadas a Seabra, Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

Metade das vacinas que correspondem à segunda dose, prevista para ocorrer no prazo de um mês, serão armazenadas na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (CEADI). Ficarão no local mais de 188 mil doses da Coronavac.

ESQUEMA DE TRANSPORTE

O esquema especial de logística e transporte da vacina que foi montado sob coordenação da Secretaria de Segurança Pública (SSP), por meio da Polícia Militar da Bahia, em parceria com a Sesab, prevê a utilização de sete aeronaves e mais de 240 veículos entre caminhões, furgões e caminhonetes.

Segundo o coronel Manoel Xavier, coordenador da logística de transporte das vacinas, toda a corporação está mobilizada e prevê que mil policiais irão atuar diretamente neste trabalho. “Assim que a vacina estiver em Salvador, para os municípios mais próximos a distribuição será feita por via terrestre e os municípios até 300 quilômetros, por helicóptero. Para as demais cidades, a logística estabelece o uso de aviões. Todo o transporte será feito com acompanhamento de viaturas ou batedores. O Governo do Estado empreendeu todos os recursos da Segurança Pública para que as doses da Coronavac cheguem aos municípios o mais rápido possível”.

A previsão é de que os locais de vacinação também contem com reforço policial para garantir a segurança do processo. Toda a operação montada pelas secretarias de Segurança Pública e da Saúde conta com o apoio das Polícias Federal e Rodoviária Federal. Com informações da Secom-BA.

 

ABONO SALARIAL DE ATÉ R$ 1.100 COMEÇA A SER PAGO NESTA TERÇA-FEIRA

Um novo lote de pagamento do abono salarial do PIS/Pasep exercício 2020 será liberado nesta terça-feira (19) para quem ainda não recebeu por meio de crédito em conta. O benefício estará disponível para saque aos participantes do PIS nascidos em janeiro e fevereiro e para os servidores públicos cadastrados no Pasep com número de inscrição final 5.

Espécie de 14º salário pago a trabalhadores formais que recebem até dois salários mínimos, o valor do abono salarial foi atualizado em função do ajuste do salário mínimo, que passou a ser de R$ 1.100. No ano-base 2019, o valor do benefício variava de R$ 88 a R$ 1.045, de acordo com a quantidade de meses trabalhados com a carteira assinada no ano anterior. Agora, a quantia vai de R$ 92 a R$ 1.100.

Mais de 3,4 milhões trabalhadores aniversariantes em janeiro e fevereiro têm direito ao saque do benefício, totalizando mais de R$ 2,75 bilhões em recursos disponibilizados.

Beneficiários correntistas da Caixa, nascidos entre julho e dezembro, já receberam o benefício por meio de crédito em conta no último dia 30 de junho. Os demais irão receber de acordo com o calendário:

AF

COELBA AMPLIA PRAZO DE NEGOCIAÇÃO ESPECIAL PARA EVITAR SUSPENSÃO DE ENERGIA DE BAIXA RENDA

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou, desde o dia 1º de janeiro, o corte de energia por inadimplência de clientes classificados baixa renda. No entanto, a Coelba decidiu adotar a ação apenas a partir do próximo dia 25. Os consumidores com faturas em aberto com a empresa estão sendo reavisados e, portanto, têm a oportunidade de negociar os débitos durante esta semana e evitar a suspensão do fornecimento. E para de facilitar a quitação de dívidas, a concessionária está oferecendo condições diferenciadas. Exclusivamente para os clientes baixa renda, a empresa zerou os juros de financiamento.

Como forma de assegurar mais comodidade e segurança para os clientes, as condições especiais também estão oferecidas no Portal de Negociação da Coelba, disponível no site www.coelba.com.br. No ambiente online, o consumidor encontra uma série de vantagens no pagamento de faturas, tais como quitação à vista, pagamento integral no débito com o cartão virtual Caixa Elo (Auxílio Emergencial) ou parcelamento em até 12 vezes no cartão de crédito. Na negociação, são aceitos os cartões das bandeiras Master, Visa, Hiper, Elo e Amex.

Para utilizar os serviços do portal e ter acesso às opções de negociação, é necessário realizar o acesso informando o CPF e a conta contrato do cliente. Depois desse primeiro passo, é possível visualizar o débito e as condições de pagamento disponíveis. A empresa salienta ainda que as lojas de atendimento presencial e o atendimento telefônico, também estão preparados para informar aos clientes a situação do débito e concluírem a negociação.

RK

GOVERNO PRORROGA SUSPENSÃO DE REVISÕES DO BOLSA FAMÍLIA

Governo prorroga suspensão de revisões do Bolsa Família

O Ministério da Cidadania prorrogou por mais 90 dias a suspensão de revisões cadastrais e de procedimentos operacionais do Programa Bolsa Família e do Cadastro Único para programas sociais do governo federal. A portaria foi publicada nesta segunda-feira (18) no Diário Oficial da União.

De acordo com o texto, a medida visa a “evitar aglomerações e exposição à infecção pelo novo coronavírus de integrantes de famílias beneficiárias, de pessoas em busca de atendimento para cadastramento, e, ainda, de cidadãos que trabalham em unidades de cadastro”. Além disso, a operação dos programas continua prejudicada, sobretudo nos municípios, por situações como suspensão de aulas, direcionamento de atividades das unidades de saúde para atender aos infectados pela covid-19 e alteração no funcionamento de alguns centros e postos de cadastramento, de acordo com a Agência Brasil.

A suspensão vale para procedimentos como os de averiguação e revisão cadastral, bem como as ações de bloqueio, suspensão e cancelamento de benefícios financeiros decorrentes do descumprimento das regras de gestão.

Também está suspenso o cálculo do fator de operação do Índice de Gestão Descentralizada do Programa Bolsa Família e do Cadastro Único, para apuração dos valores que são transferidos aos municípios, estados e ao Distrito Federal. Nesse caso, será utilizado o fator de operação do índice de fevereiro de 2020.

Após o prazo de 90 dias, o cálculo do fator passará a utilizar os dados mais recentes disponíveis da Taxa de Atualização Cadastral (TAC) e da Taxa de Acompanhamento da Frequência Escolar (TAFE), mantendo suspensa a atualização da Taxa de Acompanhamento de Saúde (TAS) por mais 90 dias.

RK

ESQUEMA POLICIAL VAI RECEBER E ESCOLTAR VACINAS NA BAHIA

[Esquema policial vai receber e escoltar vacinas na Bahia; locais de vacinação receberão reforço ]

As Secretarias de Segurança Pública e de Saúde do Estado fizeram os últimos ajustes do esquema de recebimento e escolta das vacinas, previstas para desembarcar  na noite de hoje (18). Do Aeroporto de Salvador, os imunizantes seguem para a sede do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer).

Na unidade policial, uma sala com refrigeração especial foi montada para abrigar as doses. De lá, as vacinas serão encaminhadas para pontos preestabelecidos na capital baiana, na Região Metropolitana de Salvador e no interior do estado.

A SSP, através da Polícia Militar, realizará a escolta das doses, desde a saída  do Graer, até os municípios que receberão o material. Os locais de vacinação também vão receber  reforço policial.

“Nosso trabalho começa agora, mas permanecerá até o término da vacinação. Colocaremos todo nosso efetivo e equipamentos à disposição da Sesab”, declarou o subsecretário da SSP, delegado Hélio Jorge.

A Operação também conta com a colaboração da Polícias Federal e Rodoviária Federal.

RK

NOVA DOENÇA PODE GERAR PANDEMIA MAIS LETAL QUE COVID-19, ALERTA ESPECIALISTA

O microbiologista congolês Jean-Jacques Muyembe Tamfum, alertou para uma nova pandemia que pode ser mais letal que a Covid-19. Para a CNN, o especialista contou sobre o caso de uma paciente que apresentava sintomas da ebola, mas exames deram negativo para a doença.

O cientista, que é um dos médicos que ajudou a descobrir o vírus ebola, no Congo, em 1976, teme que essa seja uma “doença X”, um conceito da Organização Mundial da Saúde (OMS) para alguma efermidade inesperada ou desconhecida que ainda pode aparecer.

Tamfum acredita que um novo patógeno seguirá o mesmo padrão de transmissão de outras doenças, passando de animais para seres humanos. “Estamos agora em um mundo onde novos patógenos surgirão. E é isso que constitui uma ameaça à humanidade”, afirmou o pesquisador à CNN.

BRASIL DESATIVOU 3 MIL LEITOS DE UTI DO SUS NO SEGUNDO SEMESTRE DE 2020

Por Matheus Moreira | Folhapress

O Brasil desativou 3.009 dos novos leitos de UTI do SUS entre julho e outubro de 2020, dos 21.651 que tinham sido criados nos meses anteriores em resposta à primeira onda da pandemia do novo coronavírus, ou 12% do total.

Os dados são parte do IDO (Índice de Desigualdade na Oferta), criado a partir de um levantamento feito pelo Instituto Votorantim com dados das secretarias de saúde estaduais.

Mais de 200 mil pessoas morreram por causa da Covid-19 no Brasil em menos de um ano, o equivalente a toda a população da cidade de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, estado que desativou 87% dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) que havia criado em função da pandemia entre os meses de fevereiro e julho.

Não foi apenas o Rio que desativou os novos leitos às vésperas da segunda onda de infecções atingir o país. Como adiantado pela Folha de S.Paulo, o Amazonas foi o segundo estado que mais desativou leitos de UTI do SUS, 85% deles.

No dia 13 de janeiro deste ano, a capital do Amazonas, Manaus, bateu o recorde de 2.221 hospitalizações nos primeiros 12 dias do ano. É um número superior a todas as internações do mês de abril de 2020 no estado, quando o Amazonas enfrentava o pico da pandemia.

O Amazonas tinha até o dia 12 de janeiro uma fila de 58 pessoas à espera de um leito de UTI nos hospitais de referência. São pacientes que poderiam ter sido atendidos com os 117 leitos desativados.

Já o estado do Pará, que está estável e com volume de novos casos confirmados constante e alto, desativou 82% dos novos leitos de UTI públicos, um total de 267 dos 324 que haviam sido criados para lidar com a pandemia.

Em nota enviada à Folha, a Secretaria de Estado de Saúde do Pará informou que “o estado possui capacidade e aparato para reabrir toda a estrutura já utilizada anteriormente em caso de necessidade” e que a taxa de ocupação de leitos de UTI no estado, na quinta (14), era de 68%.

As secretarias de Saúde do Rio de Janeiro e do Amazonas não responderam aos questionamentos.

Os estados da região Sudeste respondem por 51% de todos os leitos desativados no Brasil entre julho e outubro. A região foi a que mais abriu leitos no início da pandemia, uma alta de 45%, 4.764 ao todo, dos quais fecharam 1.549.

A região Nordeste responde por 39% dos leitos desativados no país, tendo dois estados entre os cinco que mais desativaram essas vagas, Piauí e Rio Grande Norte, que fecharam 208 e 159 unidades, respectivamente.

O objetivo do índice é indicar as regiões mais frágeis do país quanto à oferta de leitos e também de ventiladores e respiradores. Foi na análise dos resultados que a equipe responsável pelo levantamento notou o movimento de desmobilização da estrutura criada para combater a Covid-19 a partir de agosto.

“O que nos chama muito a atenção é a evolução dos indicadores, sobretudo de UTI ao longo do tempo. Tivemos uma visão de um crescimento da oferta de leitos bastante concentrado em algumas regiões e estados e depois uma queda muito abrupta”, explica Rafael Gioielli, gerente do Instituto Votorantim.

O índice varia de 0 a 1 e analisa a distribuição da estrutura de saúde: leitos hospitalares, leitos de UTI, respiradores e ventiladores, considerando a população de cada estado e município do país. Quanto mais próximo de 0, maior a distribuição da estrutura de saúde entre os municípios de cada estado e menor a desigualdade.

Quando observado apenas o IDO para os leitos de UTI do SUS, o Brasil, de forma geral, apresenta índice de 0,39. O estado mais desigual é o Rio de Janeiro, com 0,11, seguido pelo Amapá, com 0,13, e por Santa Catarina, com 0,17.

“Se pensar que o Norte só tinha 5% dos novos leitos [no início da pandemia] e 13% deles foram desativados, isso mostra como a desigualdade vai crescendo. Porque, por exemplo, a região Sul é responsável por 17% dos leitos criados e perdeu apenas 1%, entre os desativados. Foi a região que menos perdeu, que teve o melhor saldo, redução da desigualdade e melhoria da oferta”, analisa Gioielli.

PAZUELLO AFIRMA QUE ESTADOS PODEM INICIAR VACINAÇÃO HOJE ÀS 17H

O Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse nesta segunda-feira (18), que a vacinação contra a Covid-19 será iniciada a partir das 17h em todo o país. O anúncio foi feito após ele sofrer pressão dos governadores, que pediram para antecipar o início da aplicação das doses, inicialmente previsto para esta quarta-feira (20), conforme informou a colunista Andréia Sadi.

“Acho que podemos começar hoje até o fim do expediente, a partir das 17h”, declarou o ministro.

O horário foi proposto, segundo ele, para dar tempo de todos os estados receberem as doses da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

AF

PAZUELLO CONFIRMA INÍICO DE DESTRIBUIÇÃO DAS VACINAS NO BRASIL NESTA SEGUNDA (18)

O Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, se pronunciou neste domingo (17) após a autorização da Anvisa ao uso emergencial das vacinas contra a Covid-19 no Brasil. De acordo com Pazuello, a distribuição das doses para os estado terá início às 7h desta segunda-feira (18).

Ainda de acordo com o ministro, a vacinação nacional terá início na próxima quarta-feira (20), às 10h. Pazuello afirmou que todas vacinas produzidas pelo Instituto Butantan foram adquiridas pelo Governo Federal, inclusive a aplicada na enfermeira paulista Mônica Calazans.

“Todas as vacinas produzidas pelo Butantan estão contratadas de forma integral e de forma exclusiva para o Ministério da Saúde e para o PNI, todas, inclusive essa que foi aplicada agora. Isso é uma questão jurídica”, afirmou.

Apesar da aprovação do uso do antídoto, o ministro reafirmou que é necessário manter todos os cuidados para prevenir a propagação do vírus.

“Não podemos em hipótese alguma relaxar as medidas preventivas. Uso de máscara, álcool em gel na mão, distanciamento social – situações como esta que estamos, por exemplo [entrevista coletiva]… [Evitar] aglomerações… As empresas e estabelecimentos que têm autorização para trabalhar e devem trabalhar, a economia não deve parar, elas devem ter as medidas de cuidados muito claras”, finalizou.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia