sebrae
banner-130
engen22
mineraz
abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  
17022028_1650269021949219_7964221707426653921_n
mais acessadas

RH-ENGENHARIA alto-astral-noivas-blog-tarugao
CDI
cafe-da-gente
contac-contabilidade
ramos-pneus
transportte-escolar

PREFEITURA DE CAETITÉ ABRE VAGAS COM SALÁRIOS DE ATÉ R$ 4,5 MIL

A Prefeitura de Caetité, cidade do interior da Bahia, abriu um novo concurso público com 63 vagas de empregos. O objetivo é contratar profissionais de nível superior em licenciatura para atuação imediata e formação de cadastro de reserva.

Segundo informações da PCI Concursos, no quantitativo de vagas mencionado, encontram-se as reservadas para candidatos (PCD, N) que se enquadrem nos itens especificados no edital de abertura.

Os contratados terão remuneração com valores que variam entre R$ 2.194,04 a R$ 4.581,68 ao mês. A carga horária é de 20 a 40 horas semanais.

Inscrições para as vagas da Prefeitura de Caetité

Para concorrer a uma das oportunidades, os candidatos devem comprovar a escolaridade exigida em edital, possuir registro no respectivo conselho de classe, pós-graduação (com habilitações específicas em área própria), idade mínima de 18 anos, dentre outros requisitos.

Os cargos disponíveis são: Coordenador Pedagógico (15); Professor de Ensino Fundamental – 6º ao 9º ano nas disciplinas de: Artes (1); Ciências (3); Educação Física (1); Inglês (2); Língua Portuguesa (1); Matemática (2); Professor de Ensino Fundamental – 1º ao 5º ano (35); Intérprete de Libras (3).

As inscrições iniciam no dia 22 de abril de 2024 e seguem até às 23h59 do dia 5 de junho de 2024. Tudo é feito exclusivamente via internet por meio do site da Ibam Concursos, mediante o pagamento da taxa no valor de R$ 75,00 a R$ 90,00.

Os candidatos que se enquadram nos critérios especificados no edital podem solicitar a isenção da taxa de inscrição no período de 22 a 24 de abril de 2024.

Classificação dos candidatos

A classificação dos candidatos inscritos, será composta por prova objetiva e dissertativa prevista para ser realizada no dia 14 de julho de 2024 e prova de títulos.

O conteúdo programático será composto por questões de português, raciocínio lógico, legislação, informática, conhecimentos gerais e específicos.

O prazo de validade do presente no processo seletivo é de dois anos, contados da homologação do resultado final, com possibilidade de prorrogação por igual período.

ANA MARIA DOS SANTOS COMPLETA 75 ANOS DE VIDA E RECEBE FELICITAÇÕES DOS FILHOS, NETOS E BISNETOS

Felicidades para você, por este dia tão especial que é o seu aniversário!

Parabéns, que possa ter muitos anos de vida, abençoados e felizes, e que estes dias futuros sejam todos de harmonia, paz e desejos realizados.

São os votos dos filhos Ana Celia, Maria Dora e Ronei, os netos: Ronaldo, Geovana, Michele, Valdeir, Ruan, bisnetos: Luan e Juliano, nora Carla.

GOVERNO LULA PRECISA DE R$ 50 BI EM RECEITAS EXTRAS PARA CUMPRIR NOVA META FISCAL

O governo Lula vai precisar de cerca de R$ 50 bilhões em receitas extras para cumprir a nova meta fiscal zero para as contas públicas de 2025.

A meta fiscal será zero para o próximo ano, igual a este, com uma alta gradual até chegar a 1% do PIB (Produto Interno Bruto) em 2028. Mesmo com o afrouxamento em relação ao alvo anterior, um superávit de 0,5% do PIB (Produto Interno Bruto), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, terá de buscar arrecadação adicional para conseguir entregar o resultado no centro da meta.

As medidas para ajudar a ampliar as receitas ainda serão anunciadas. No entanto, não está nos planos do governo elevar alíquotas de impostos. O governo também não conta com a aprovação, ainda neste ano, da taxação de lucros e dividendos distribuídos pelas empresas a seus acionistas.

De acordo com a Folha de São Paulo, a necessidade de novas receitas pode ficar ainda maior, caso o Congresso Nacional imponha uma derrota ao Executivo nas discussões em torno da desoneração da folha de salários de empresas e municípios e da isenção tributária para o setor de eventos por meio do Perse.

RK

SENADO APROVA PEC DE CRIMINALIZAÇÃO DO PORTE DE DROGAS PARA USO PESSOAL

O Senado aprovou nesta terça-feira (16) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que criminaliza o porte e a posse de drogas, independentemente da quantidade. A proposta agora ainda precisa passar pela Câmara dos Deputados.

A Lei de Drogas em vigor determina que é crime adquirir, guardar e transportar as substâncias para consumo pessoal, mas sem a necessidade do ato de prisão. São usadas penas alternativas, como advertência, prestação de serviços comunitários e comparecimento a cursos educativos. Atualmente, a lei também não define qual a quantidade de substância que diferencia “traficante” e “usuário”.

A PEC recebeu 53 votos favoráveis e 9 contrários no primeiro turno e 52 votos favoráveis e 9 contrários no segundo turno. Com a aprovação da proposta, o texto será encaminhado à Câmara, onde será necessário no mínimo 308 dos deputados para alterar a Carta Magna.

RK

MULHER LEVA MORTO EM CADEIRA DE RODAS PARA SACAR EMPRÉSTIMO DE 17 MIL REAIS

Uma mulher foi conduzida para a delegacia, na tarde desta terça-feira (16), depois de levar um cadáver em uma cadeira de rodas para tentar sacar um empréstimo de R$ 17 mil em uma agência bancária de Bangu, na Zona Oeste do Rio. As informações são do G1.

Funcionários do banco suspeitaram da atitude de Érika de Souza Vieira Nunes e chamaram a polícia. O Samu foi ao local e constatou que o homem, identificado como Paulo Roberto Braga, de 68 anos, estava morto – aparentemente havia algumas horas. A polícia apura como e exatamente quando ele morreu.

“Ela tentou simular que ele fizesse a assinatura. Ele já entrou morto no banco”, explica o delegado Fábio Luiz”, explicou o delegado Fábio Luiz. Na delegacia, a mulher disse que sua rotina era cuidar do tio, que estava debilitado. A polícia apura se ela é mesmo parente dele. A polícia quer entender se outras pessoas a ajudaram a cometer os crimes e busca imagens de segurança. O corpo do idoso foi levado para o Instituto Médico Legal.

CASAMENTO PRECOCE: 40 MENINAS DE 17 ANOS SE CASAM POR DIA NO BRASIL

Sintoma da pobreza e da falta de oportunidades. O casamento precoce é um dos problemas sociais do Brasil. De acordo com a ONU, Organização das Nações Unidas, somos o 4º país, no mundo, em números de meninas que se casam antes dos 18 anos.

Dados do IBGE mostram que foram 17 mil, em 2021. Ou seja, uma média de 40 meninas de até 17 anos que se casam, por dia, no Brasil.

A porta-voz do Fundo de População das Nações Unidas, Anna Cunha, explica que o casamento de meninas é visto como uma forma de algumas famílias lidarem com a pobreza. No Brasil, essa é uma realidade que está muito mais presente nas regiões Norte e Nordeste.

“São também as regiões com maiores índices de pobreza, de extrema pobreza e caracterizadas pelos menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH). Podem ser fatores que levam ou a própria menina ou mesmo a sua família a enxergar num casamento, numa união que mesmo temprana, possa ser vista como uma alternativa que possa trazer segurança, estabilidade. Mas que na prática também tem grandes riscos de trazer aspectos de vulnerabilidade”.

Esses “aspectos de vulnerabilidade” que Anna Cunha menciona são os impactos negativos que o casamento precoce traz para a vida e o futuro dessas meninas. Um deles é a exposição a violências e o abandono escolar.

Segundo relatório do Banco Mundial, em parceria com a ONU mulheres, 30% dos jovens brasileiros que abandonam a escola, no Ensino Médio, são meninas que se casaram antes dos 18 anos.

Para a especialista em questões de gênero no Banco Mundial, Paula Tavares, esse é apenas um dos problemas.

“O casamento e a gravidez precoce têm efeitos negativos profundos que vão desde maiores riscos para a saúde, menor escolaridade, renda mais baixa na idade adulta e maior fertilidade. Podem contribui para a pobreza e maior risco de violência doméstica. Sabemos que os casamentos precoces são os principais responsáveis pela gravidez na adolescência.

:: Continue Lendo »

GRUPO É SUSPEITO DE FRAUDAR CONTRATOS PÚBLICOS EM SP PARA BENEFICIAR O PCC

O Ministério Público faz hoje uma operação contra um grupo criminoso que fraudava contratos públicos em benefício do PCC, segundo o órgão. Até o momento, 14 pessoas foram presas e um mandado ainda falta ser cumprido.

O grupo é investigado por fraudes em licitação no estado de São Paulo. Segundo o MP, as empresas do grupo atuavam para frustrar a competição em processos de contratação de mão de obra terceirizada e atender a interesses do PCC.

Entre os presos estão três vereadores: Ricardo Queixão (PSD), de Cubatão, na Câmara desde 2012; Flavio Batista de Souza (Podemos), de Ferraz de Vasconcelos, em seu terceiro mandato; e Luiz Carlos Alves Dias (MDB), de Santa Isabel, que presidiu a Câmara entre 2013 e 2014 e de 2019 a 2020. O UOL tenta localizar a defesa dos citados.

Operação prendeu advogado de um dos criminosos mais procurados do país. Áureo Tupinambá de Oliveira Fausto Filho representa André de Oliveira Macedo, o André do Rap, apontado pelas autoridades como envolvido no tráfico internacional de drogas.

O grupo tem contratos públicos de mais de R$ 200 milhões. Segundo promotores, havia simulação de concorrência com empresas parceiras ou de um mesmo grupo econômico.

Também há indicativos de corrupção de agentes públicos e políticos. Entre eles, secretários e procuradores. Os envolvidos são suspeitos de envolvimento em fraudes documentais e lavagem de dinheiro.

São 42 mandados de busca e apreensão e 15 de prisão temporária em várias cidades de São Paulo. Os mandados foram expedidos na 5ª Vara Criminal de Guarulhos.

Alguns contratos atendiam a interesse do PCC, que tinha influência na escolha dos ganhadores de licitações e fazia a divisão dos valores obtidos ilicitamente. Os municípios com contratos sob análise são Guarulhos, São Paulo, Ferraz de Vasconcelos, Cubatão, Arujá, Santa Isabel, Poá, Jaguariúna, Guarujá, Sorocaba, Buri, Itatiba e outros.

A operação acontece uma semana após o MP revelar que empresários de duas empresas de ônibus agiam em benefício do PCC em São Paulo. Segundo o MP, a UPBUs e TransWolff lavavam dinheiro do tráfico de drogas, roubos e outros ilícitos em prol da facção criminosa.

Suspeitos foram presidentes de Câmaras Municipais. Flávio Batista de Souza (Ferraz de Vasconcelos), Luiz Carlos Alves Dias (Santa Isabel) e Ricardo Queixão (Cubatão) presidiram o Legislativo nas cidades onde atuam.

Vereador de Cubatão participou de sessão solene para fixação da sua foto como presidente da Casa no biênio 2021-2022. “Minhas filhas, quando crescerem, podem passar aqui e ver a placa do pai, que vai ficar eternamente aqui. Não tem como retirar”, disse Ricardo Queixão em solenidade ocorrida em abril de 2023.

Vereador de Ferraz de Vasconcelos está em seu terceiro mandato. Flávio Batista de Souza, o Inha, foi presidente da Câmara Municipal entre 2021 e 2022.

 Vereador de Santa Isabel presidiu o Legislativo nos biênios de 2013-2014 e de 2019-2020. Luiz Carlos Alves Dias é conhecido na cidade onde atua como Luizão Arquiteto.

RK

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGRA 26ª FASE DA OPERAÇÃO LESA PÁTRIA

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça-feira (16) a 26ª fase da Operação Lesa Pátria. A meta é identificar pessoas que financiaram, fomentaram e promoveram os fatos ocorridos em 8 de janeiro em Brasília, quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) foram invadidos e depredados.

Em nota, a corporação informou que cumpre 18 mandados judiciais de busca e apreensão, expedidos pelo STF, nos seguintes estados: Rio Grande do Norte (1), Santa Catarina (1), Pará (4), São Paulo (1), Minas Gerais (3), Espirito Santo (4), Tocantins (1), e Mato Grosso do Sul (3).

Segundo a PF, foi determinada ainda a indisponibilidade de bens, ativos e valores dos investigados. “Apura-se que os valores dos danos causados ao patrimônio público possam chegar à cifra de R$ 40 milhões”.

“Os fatos investigados constituem, em tese, os crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido”, concluiu a Polícia Federal.

RK

IRÃ AFIRMA QUE RESPONDERÁ À QUALQUER REAÇÃO DE ISRAEL

O presidente iraniano, Ebrahim Raisi, afirmou que seu país responderá de forma “severa” à “menor ação” de Israel contra “os interesses do Irã”, segundo um comunicado publicado nesta terça-feira, 16, por seu gabinete.

Israel prometeu responder ao ataque sem precedentes com drones e mísseis de sábado à noite executado pelo Irã contra o seu território.

“Nós declaramos de maneira firme que a menor ação contra os interesses do Irã vai, certamente, provocar uma resposta severa, extensa e dolorosa contra todos os seus autores”, disse Raisi durante uma conversa por telefone com o emir do Catar, Tamim ben Hamad Al Thani, na segunda-feira.

Ao comentar o ataque do fim de semana, o primeiro a partir do território iraniano contra Israel, Raisi disse que Teerã exerceu o “direito à autodefesa”.

O presidente explicou que seu país apontou contra os “centros” utilizados para organizar o bombardeio de 1º de abril, atribuído a Israel, contra o consulado iraniano em Damasco. O ataque matou sete membros da Guarda Revolucionária, incluindo um general responsável pelas operações no Líbano e na Síria da unidade de elite Quds, Mohamad Reza Zahedi.

Raisi afirmou que a operação foi “executada com sucesso, com o objetivo de punir o agressor”.

O Exército israelense afirmou que o ataque foi “frustrado”, depois que 99% dos 350 drones, mísseis balísticos e mísseis de cruzeiro foram derrubados, com a ajuda dos Estados Unidos, Jordânia, França e outros países.

Segundo o porta-voz das Forças Armadas de Israel, os poucos projéteis que seguiram a trajetória “atingiram levemente” a base aérea de Nevatim, no sul do país, que permaneceu operacional.

Raisi denunciou mais uma vez o que chamou de “apoio cego de certos países ocidentais ao regime sionista”, o que segundo ele é “uma causa de tensão na região”, destaca o comunicado.

O Irã suspendeu as operações em suas instalações nucleares no dia do ataque contra Israel, afirmou na segunda-feira o diretor da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Rafael Grossi.

Grossi foi questionado sobre a possibilidade de um ataque de retaliação israelense contra instalações nucleares iranianas.

“Estamos sempre preocupados com esta possibilidade”, respondeu.

“O que posso dizer é que os nossos inspetores no Irã foram informados pelo governo iraniano que, ontem (domingo), todas as instalações nucleares que inspecionamos diariamente permaneceram fechadas por razões de segurança”, acrescentou o diplomata.

O fechamento “não teve nenhuma consequência em nossas atividades de inspeção. Mas, certamente, continuamos pedindo máxima moderação”, acrescentou.

RK

BEBÊ TEM FÊMUR FRATURADO DURANTE PARTO EM MATERNIDADE DE CAMAÇARI

A família do bebê que teve o fêmur fraturado durante o parto na Maternidade Regional de Camaçari, denunciou a equipe médica do local. O caso aconteceu na última terça-feira (9) e a criança precisou ter perna esquerda engessada para tratar a fratura.

A mãe da criança, identificada como Vanessa, informou que deu entrada na maternidade pela madrugada e depois foi para a triagem, onde entregou o ultrassom que havia feito em 13 de março, que mostrava o bebê sentado.

Por conta da posição da criança, ela acreditou que teria um parto cesárea, mas a equipe médica demorou até decidir realizar o procedimento, já que a opção pelo parto normal foi considerado.

“Quando cheguei na sala de cirurgia, na hora de tirar o bebê, eles fizeram a cesárea na pressa e acabaram machucando o meu filho”, disse Vanessa ao CORREIO.

Ainda segundo Vanessa, a equipe médica foi questionada sobre o atendimento à mulher grávida, mas não deram explicação sobre o ocorrido. A única resposta recebida por Vanessa foi de que precisaria esperar 15 dias para sair o relatório.

O pequeno Pietro está, desde o nascimento, com a perna esquerda engessada. A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) comunicou que a fratura foi identificada após o nascimento e o bebê segue sendo acompanhado pela unidade, com um especialista e com assistência integral.

A Sesab informou ainda que, seguir com a perna engessada está dentro da normalidade, já que o caso se trata de uma fratura óssea. A secretaria também não confirmou que a fratura foi provocada pela equipe médica e pontuou que toda denúncia é investigada pela pasta.

RK

Book-Center-Itapetinga
cardioset
banner-12
banner--engenharia
ecologicar
mineraz


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia