dr.2Os policiais civis de Itapetinga (delegados, investigadores e escrivães) passaram por treinamento para o uso de armas menos letais. A instrução, ocorrida durante esta terça-feira (31), ficou a cargo do investigador Rogério Luna, da Coordenadoria de Fiscalização de Produtos Controlados – CFPC.

A CFPC, por sinal, forneceu todo o armamento, a exemplo de granadas (som, luz, gás lacrimogênio e de efeito moral), munição de borracha e espargidores (gás de pimenta).dr.1

O delegado Roberto Júnior, Coordenador da 21ª Coorpin, informou que as armas não letais serão utilizadas em motins de presos e operações policiais a partir de agora.dr.3

“Não deixaremos de utilizar as armas letais, mas haverá um incrementos nas nossas ações com o uso de armas menos letais”, acrescentou o delegado.dr

Ainda durante esta terça-feira a CFPC fez a troca de munições das armas de fogo e a troca de coletes balísticos dos policiais civis lotados na sede e cidades integrantes da 21ª Coorpin.